Arquivo do blog

terça-feira, 27 de junho de 2017

SC 407 - REVITALIZAÇÃO JÁ

REUNIÃO DA COMISSÃO PRÓ REVITALIZAÇÃO DA SC 407


Acontece hoje (27 de junho), na Estância Biguaçu, às 19h30min, nova reunião da CPR 407 com o objetivo de avaliar a ação de fechamento da rodovia, ocorrida na última sexta, bem como discutir os próximos passos do movimento.


Todos os moradores das comunidades atendidas por esta rodovia, assim como os seus usuários, estão convidados para participarem. A união e força de todos é necessária para que o governo estadual, responsável pela rodovia, realize as obras necessárias.

RODOVIA É ANTIGA E SOBRECARREGADA

Inaugurada no início da década de 1980, a Rodovia Estadual SC 407 (antiga SC 408) tem atualmente um tráfego muito superior ao projetado. Atualmente, além do tráfego de veículos leves, a rodovia possui um intenso tráfego de caminhões que escoam a produção agrícola e os produtos da Vonpar, originários do município de Antônio Carlos, como também dos caminhões de combustíveis da Base da Petrobrás, sediada em Alto Biguaçu. Há ainda, no verão, uma ampliação significativa do tráfego de veículos por conta dos parques aquáticos localizados em Antônio Carlos. 

Além de todo este tráfego de veículos, disputam espaço ainda as máquinas agrícolas, pedestres e ciclistas. A má conservação da rodovia, somada a falta de acostamento, transforma a SC 407 em um perigoso trecho de deslocamento que seus usuários são obrigados a enfrentar diariamente.

LUTAS, PRESSÕES

Se fizermos uma rápida pesquisa na internet veremos que a luta de moradores, usuários e lideranças políticas e empresarias por melhorias nesta rodovia é antiga... E a resposta do governo estadual tem sido, repetidamente, ao longo destas décadas, realizar operações "tapa-buracos". 

Estas operações "tapa-buracos" não são mais eficientes, são apenas ações paliativas que, no fim das contas, acabam desperdiçando os recursos públicos, uma vez que, para manterem a rodovia em condições mínimas de trafegabilidade, tem que ser repetidas indefinidamente. O que se pede é que o governo faça uma obra que, de fato, recupere a rodovia.

Pelo menos desde 2010 a população, lideranças políticas e empresariais vêm solicitando obras de revitalização e até mesmo de duplicação. Havia, inclusive, a proposta de a Vonpar e a Petrobrás realizarem as obras em troca da isenção de impostos (veja mais detalhes no link:

Ao longo de 2012 houve uma mobilização por melhorias e pela duplicação da rodovia (na época ainda denominada de SC 408). Como resultado desta mobilização foram realizadas audiências públicas (no dia 24 de maio, na salão da Capela da comunidade de Santa Catarina, por exemplo), ações de mobilização da população através de adesivaços e foram também enviados documentos aos órgãos responsáveis junto ao governo estadual cobrando alguma ação efetiva de melhoria da rodovia.

Como resultado imediato da mobilização destes diferentes atores sociais, o governo estadual lançou edital para elaboração de projeto de engenharia para restauração com aumento de capacidade (edital nº 028/12).

Audiência Pública na comunidade de Santa Catarina - DUPLICAÇÃO DA SC 408: apoie esta ideia (24/05/20102)
Adesivaço em Antônio Carlos, no dia 19/05/2012.

No entanto, apesar do edital, a obra não saia... promessas e mais promessas da parte do governo estadual. Novas mobilizações foram necessárias. 

Em 30 de novembro de 2015, por intermédio da Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano da ALESC, foi realizada uma audiência pública na Câmara de Vereadores de Biguaçu.

Audiência Pública - Câmara Municipal de Vereadores de Biguaçu - 30/11/2015.
Como as reuniões e audiências não sensibilizavam o governador, em dezembro de 2015, a comunidade se mobilizou para fechar a rodovia. Diante desta mobilização o Deinfra comprometeu-se a realizar obras emergencias, o famoso "tapa-buracos". (http://horadesantacatarina.clicrbs.com.br/sc/geral/noticia/2015/12/deinfra-inicia-tapa-buracos-na-sc-407-entre-biguacu-e-antonio-carlos-4929163.html)



PROMESSAS...

Em 17 de novembro de 2016 o executivo estadual anuncia nos meios de comunicação que, finalmente, as obras de revitalização da SC 407 irão acontecer. Nesta data o governador assina a ordem de serviço, no valor de R$ 6,9 milhões, para a restauração asfáltica e revitalização da sinalização horizontal e vertical da rodovia... 

No entanto, estamos no final de junho de 2017 e nem sinal das referidas obras. Segundo o governo estadual, não há previsão para o início das obras...

Então, vamos lá pessoal! Não vamos mais aceitar promessas! 

Queremos a REVITALIZAÇÃO DA SC 407 JÁ!

Bora lá participar da reunião!!!


terça-feira, 6 de junho de 2017

GOVERNO TEMER (PMDB) É REJEITADO PELOS BRASILEIROS



Caso o atual presidente-golpista, Michel Temer (PMDB), seja cassado ou renuncie, há aqueles que defendem uma eleição indireta (escolha feita pelos nossos deputados, muitos deles envolvidos em casos de corrupção!) para a escolha do novo chefe do executivo nacional, dizendo que eleição direta, com o povo escolhendo o novo presidente, seria golpe! Absurdo! 
Pesquisa divulgada nesta semana mostra que praticamente 90% da população pensa diferente: quer  escolher pelo voto direto o novo presidente! Confira a matéria publicada no site da Revista Fórum:


Nova pesquisa Vox Populi: Só 3% aprovam Temer e 89% querem diretas

Em meio às recentes denúncias que vieram à tona com a delação da JBS e que vem comprometendo o governo do presidente Michel Temer (PMDB), pesquisa do Vox Populi divulgada na tarde desta segunda-feira (05/06/2017) aponta que a maior parte da população brasileira quer o peemedebista fora da presidência e quer votar para presidente através de eleições diretas.



De acordo com a sondagem, que entrevistou 2 mil pessoas em 118 municípios do país entre sexta-feira (2) e domingo (4), 85% das pessoas aprovam que Temer seja cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que retomará o julgamento da chapa Dilma-Temer nesta terça-feira (6). Em uma eventual cassação do presidente, 89% dos entrevistados querem eleição direta. Apenas 5% apoiam uma eleição indireta para presidente.

O estudo apontou ainda que apenas 3% dos entrevistados consideram o governo de Michel Temer como “bom/ótimo”. Para 75%, seu governo é “ruim/péssimo”. No Nordeste brasileiro a rejeição à Temer é ainda maior: 83%.

Confira a íntegra da pesquisa aqui.


Fonte:  http://www.revistaforum.com.br/2017/06/05/nova-pesquisa-vox-populi-3-aprovam-temer-e-89-querem-diretas/